De longe a primavera é verde porque só podemos conhecer suas cores quando chegamos perto

by - 20 julho

 



É natural sermos verdes e imperfeitos porque só o tempo entrega amadurecimento, segurança e cores. A distância é uma ilusão disfarçada de paisagem, porque só quando estamos perto é que conhecemos o verdadeiro mundo de algo ou alguém. Só quando perto é que reconhecemos a verdadeira cor da vida e da primavera. Queremos tanto fazer parte da vista que não aceitamos ser um mero expectador do clima.



O drama "At a Distance, Spring is Green" é um convite para você olhar as pessoas de perto e conhecer a vida para além do que dizem sobre ela ou da sua aparência. Em "De longe a primavera é verde" temos uma história de personagens que buscam o colorido de uma vida segura, amorosa e esperançosa. Neste kdrama percebemos que a vida nos empurra pelo tempo e tudo que queremos é esbarrar em boas pessoas para viver bons momentos.



Baseado em um webtoon de mesmo nome, "At a Distance, Spring is Green" conta a história de Yeo Jun (interpretado pelo ator e cantor Park Ji-hoon) um calouro inteligente, bonito, misterioso e popular. Ao encontrar Kim So-bin (interpretada pela atriz Kang Min-ah) e Nam Soo-hyun (interpretado pelo ator Bae In-hyuk), Yeo Jun reconhece a necessidade de sair do próprio casulo e perder o medo de ser quem é. Se deixar ser visto também é um ato de coragem.



O roteiro sobre amor e amizade faz cada personagem confrontar os piores limites. Para sorrir de verdade Jun precisa aprender como amar e ser amado. So-bin precisa decidir gostar de si para só depois saber como amar alguém e ser segura sozinha. Soo-hyun precisa entender que tudo bem pedir ajuda quando cansamos de lutar sozinho. Juntos, eles encontram um modo de ser e receber o mais lindo de todos os apoios.



Discutindo temas fortes, mas de um jeito humano, realista e sensível, em "At a Distance, Spring is Green" as personagens chegam ao seu limite como quem chega na ponta de um abismo e tudo que eles desejam é um simples toque da pessoa certa. Um toque que cura, conforta, abraça, salva e acolhe sem esperar nada em troca. O drama é um lembrete poético sobre como é bom ser visto como somos, longe de qualquer distância, máscara, disfarce, estereótipo, ameaça ou julgamento.



Quando penso em indicar um drama, eu vejo esse gesto como um ato de carinho, visto que gosto de partilhar só aquilo que me faz bem. Com "At a Distance, Spring is Green" não é diferente, é o tipo de história que cuida de você do início ao fim porque é isso que a arte faz: usa a ficção para curar a alma e o coração. Eu terminei o drama querendo voltar ao início e viver todas as emoções novamente, mas como ele bem falou em sua última frase: "Nossa verdadeira primavera começa agora".


Você não precisa viver nenhuma estação sozinho...


O que dizer sobre esta história? Analisar "At a Distance, Spring is Green" é como querer detalhar o vento: uma missão impossível. Tudo que o vento e esta história desejam é serem sentidos para poder visitar nossa intimidade como quem visita um velho e bom amigo. Com fotografia encantadora e trilha sonora inesquecível, você é levado para um abraço doce e delicado em forma de novela. Então, se permita mostrar os seus sentimentos e conhecer os dos outros. Comece no seu tempo e ao seu modo, mas comece. Qualquer começo deve começar em você, por você e para você. 



"At a Distance, Spring is Green" deixou em mim a certeza de que existe muitas formas de sentir emoções e demonstrar afeto. Um toque de cabelo, por exemplo, pode ser um jeito de dizer "estou aqui: pode contar comigo". Abraçar em silêncio pode ser uma maneira de falar "chore o quanto quiser, mas eu não deixarei você passar sozinho pelo silêncio". Quando você faz o seu melhor ao máximo, independente do resultado, você se saiu muito bem. Ao final de cada fase e estação, nós ganhamos do tempo e da vida nossas verdadeiras cores.



"De longe a primavera é verde", mas se você chegar bem perto: ela é colorida, linda e ainda mais deslumbrante.  Só podemos conhecer a intensidade das suas cores e a essência de alguém, quando chegamos perto o suficiente para sermos parte da mesma paisagem e estação. Por isso, veja além do que é mostrado, escutado ou falado. Nenhuma vista nunca revela tudo, sempre existem partes desconhecidas e protegidas. Quanto mais próximo estamos mais conhecemos e largamos os julgamentos para segurar quem realmente faz o nosso dia ser colorido.


Quanto mais longe estamos menos conhecemos. Então: fique sempre por perto!


             

You May Also Like

0 comments